Noel Borges do Canto Fabrício da Silva, gaúcho, missioneiro, nascido da Bossoroca, que traz o canto em seu nome de batismo. De sangue europeu e indígena, preferiu evocar a porção de sangue índio que levava nas veias e chamar-se apenas de Noel Guarany.
Foi um representante fiel e autêntico da nossa arte, soube valorizar os nossos usos e costumes, a nossa identidade. Cantou, levou longe e engrandeceu a nossa terra, a nossa gente e a nossa cultura e, por conta disso, é marco da história gaúcha e missioneira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *