#20 – Nossa Senhora Gaúcha do Mate

19 de Fevereiro de 2018 Youtube  Mais quieto que guri cagado.

Os gaúchos por questões de vida, lida e história são muitos religiosos. Afinal somos filhos do continente de São Pedro e a formação da nossa cultura foi fortemente influenciada pelos jesuítas. Temos inúmeras grandes romarias dedicadas aos santos e santas da igreja católica espalhadas pela terra gaúcha.

Mas tu sabia que existe uma santa chamada de Nossa Senhora Gaúcha do Mate? Poucos conhecem, pois a sua devoção não tem origem baseada em uma aparição ou por milagres atribuídos a ela. A devoção é uma homenagem prestada à Maria, por parte de seus filhos gaúchos.

No Natal de 1992, alguns bispos sul-americanos visitaram o Papa João Paulo II e entregaram para ele alguns presentes típicos da região pampeana e junto com esses presentes estavam um quadro da irmã marista e pintora Maria Inês Rosnhiski, que retratou Maria com roupas simples e tomando um mate junto ao braseiro, bem como toda a gente de seu povo.

Aí em maio de 1993 o padre Domingo Lancelotti recebeu uma carta do Papa em que dizia: ‘De todo coração outorgamos a implorada benção apostólica, sob os auspícios de Nossa Senhora Gaúcha do Mate’. Hoje, a principal região de adoração da Santa é na província de Missiones, na Argentina.

Nossa Senhora Gaúcha do Mate é um título de integração das pessoas, de familiaridade, de amizade e de união da pátria gaúcha. Valores simbolizados e que estão presentes em cada roda de mate da nossa terra. A fé assim como o chimarrão encurta distâncias, indiferenças e individualismos.

Retruque!

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>